28 de jun de 2008

Soneto de Amor Total

Nosso amor é o alimento da alma
E é ele a inspiração do poeta.
É com ele que meu peito se acalma,
É ele que minha vida completa.

É o teu amor que me traz alegria,
Só teus olhos iluminam meu mundo.
E pra ter teu amor eu morreria
Pois teu amor é um lago profundo

Onde quero o tempo todo nadar,
Mergulhar bem fundo e nele ficar,
Dele ser dono, ter sempre por perto

Já que só de uma coisa eu estou certo:
Não há vento forte ou onda no mar
Que faça com que eu pare de te amar.

Um comentário:

Vivi disse...

As vezes eu queria encontrar um vento forte que me fizesse parar.....
bjus